23 dezembro, 2016

Homem recorre ao suicídio no bairro Novo Areal em Coroatá

23 dezembro, 2016
Um homem identificado apenas como Joaquim foi encontrado morto por volta das 04h00 desta sexta-feira (23), enforcado com uma corda, em sua residência no bairro Novo Areal, em Coroatá.
De acordo com familiares, o senhor Joaquim sofria com a recente separação da mulher o que pode ter o motivado a cometer o suicídio. Ele era pai do jovem conhecido como “Macaquinho” que, em outubro deste ano, foi morto após perseguição policial, suspeito de ter praticado assaltos na cidade de Peritoró [reveja a matéria].
Dois suicídios em menos de duas semanas
Com a tragédia de hoje, esse é o segundo suicídio registrado no bairro Novo Areal em menos de duas semanas.
No dia 11 deste mês (dezembro), um rapaz identificado como José Augusto Sousa Ramos, de 27 anos, também foi encontrado morto dentro de sua casa, depois de recorrer ao suicídio. Parentes disseram que José Augusto saiu de casa na noite anterior para uma festa e que lá teria sido perseguido por dois homens, chegando até a ficar com algumas escoriações pelo corpo. Misteriosamente na manhã seguinte ele foi encontrado enforcado.

Fonte: Coroatá Online
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário